Mais uma do velho Joe…

Up Where We Belong

Who knows what tomorrow brings
In a world, few hearts survive
All I know is the way I feel
When it’s real, I keep it alive

The road is long, there are mountains in our way
But we climb a step every day

Love lift us up where we belong
where the eagles cry, on a mountain high
Love lift us up where we belong
Far from the world below, up where the clear wind blow

Some hang on to “used to be”
Live their lives, looking behind
All we have is here and now
All our life, out there to find

The road is long, there are mountains in our way
But we climb them a step every day

Love lift us up where we belong
where the eagles cry, on a mountain high
Love lift us up where we belong
Far from the world below, up where the clear winds blow

Time goes by,
No time to cry,
Life’s you and I
Alive today

Love lift us up where we belong
where the eagles cry, on a mountain high
Love lift us up where we belong
Far from the world below, up where the clear winds blow

Joe Cocker

You Are So Beautiful

You are so beautiful
To me
You are so beautiful
To me
Can’t you see?
You’re everything I’ve hoped for
You’re everything I need
You are so beautiful
To me
You are so beautiful
To me
You are so beautiful
To me
Can’t you see
You’re everything I’ve hoped for
You’re everything I need
You are so beautiful
To me

Nua

É verdade, me sinto nua, exposta, avaliada. Desconfortável? um pouco, talvez, mas também é muito excitante. Desvendar os outros e a mim mesma é tarefa que aprecio bastante. Medo? um pouco, talvez, mas quem não sente medo não vive e amo a vida que tenho.

Planos? Nenhum. Estou de braços abertos pronta para que o vento me leve pra um lugar qualquer, desde que seja um lugar qualquer bem aconchegante.

O que fazer? Alguns diriam que esperar é a melhor solução, mas não sou dessas. Esperar não é pra mim. Se quero algo, me empenho. Enigmática? Eu? Imagina. Este post tem destinatário certo. rs

Cagoooona

Quem me conhece da época da faculdade sabe que pessoas cagooonas sempre cruzaram o meu caminho. Pois bem, semana passada, em pleno Centro do Rio, por volta das 16h30, outra cagona cruzou minha vida.

Desta vez, eu só queria sacar dinheiro no banco. Estava leve, faceira, feliz e… de repente, não mais que de repente, me deparei com uma mulher por volta dos seus 48 anos, agachada no chão, encostada na parede da agência bancária, com calça arriada. Sim, ela estava cagando e presenciei este momento mágico. Que bonito, não?

Então, como pessoa preocupada, a tal senhora tinha em mão papel higiênico. Muito limpa, não?

Ok, podem dizer que os moradores de rua não têm local adequado pra fazer suas necessidades, mas ela podia, ao menos, buscar um local mais reservado. A rua era daquelas bem movimentadas, com grande fluxo de pessoas, incluindo crianças. Sei lá, não venham me dizer que ela não tinha nenhum bom senso pq o papel higiênico estava a postos, logo, a mulher tem o mínimo do que deve fazer.

Espero, sinceramente, não cruzar novamente com tal cena pelas ruas da cidade maravilhosa.

Vcs não queriam que eu ilustrasse o post com um cagalhão, né? Fica a imagem da cidade que amo. Salvem o Rio de Janeiro

Programação da semana

Então, domingão acabando e começo a pensar: qual será minha programação da semana? Vcs sabem que não trabalho com longos prazos, mas programar a semana tá tranquilo. Então vamos lá:

Segunda: buscar a sobrinha pra dormir na minha casa

Terça: encontrar minha amiga Dani que está gravisíssima

Quarta: encontrar minha amiga Tania

Quinta: em aberto

Sexta: Samba Luzia

Sábado: em aberto

*programação 100% sujeita a alteração !!!

Que amor de amizade

Tem umas pessoas que entram em nossas vidas por caminhos estranhos e que deliciosamente ficam. A Tania Athayde é uma delas. Não fosse o trabalho como jornalista e uma noite num bar na Lapa, jamais conheceria a Tania, um amor de pessoa, amiga, profissional. Pois bem, apesar de não encontrá-la sempre, estamos sempre em contato via Facebook e foi lá, neste espaço virtual, que ela acabou de dizer que me ama pelo conjunto da obra. Achei fofo, sincero e registro aqui que a recíproca é verdadeira. Também amo a Tania pelo conjunto da obra. LINDA!!!!

Aos bons observadores

Os bons observadores devem ter percebido que mudei a imagem do cabeçalho do blog. Versallhes coberta por neve deu lugar ao show de luzes e globos espelhados. Por que da mudança? Simples. A vida é uma festa, amo festas e acho que o blog deveria espelhar melhor este astral. Lembrem sempre: por pior que possa estar sua vida, sempre é possível dar a volta por cima, o mundo é maravilhoso e cheio de possibilidades/oportunidades. Não desista !!!