Chegou o grande dia

Sim, passados seis meses, chegou o grande dia: meu namorado vai para a Austrália. Ficará lá por um ano. Ótimo para ele, eu sei. Péssimo para mim, fazer o que. Bem, desde então começo minha contagem regressiva para as férias, quando embarcarei rumo à Perth. Até lá, é confiar na tecnologia 3G, no viber, msn e afins.

Mas, a reflexão do dia é: saber o futuro não nos alivia a dor. Bem, pelo menos é o que acho. Explico: volta e meia converso com amigas sobre o futuro e sobre a “injustiça” que é não sabermos das coisas que vão acontecer. Falo de coisas em geral. Estar por aí, testando a sorte, é um desafio de paciência. Sei que não temos outra alternativa, por mais que frequentemos cartomantes, astrólogos ou qualquer outro oráculo. É preciso calma, viver um dia por vez. Eis que a viagem do meu namorado comprova que saber o futuro não ajuda em nada, a dor é a mesma.

Há seis meses conversamos sobre a viagem. Nós dois sabíamos que este momento iria chegar e, apesar disso tudo, não nos sentimos preparados para esta despedida temporária. Até mesmo desistir da viagem já passou pela cabeça dele hoje (e sei que isso não tem relação apenas comigo). Super entendo. Saber que este dia iria chegar não fez com que a gente acordasse mais sereno hoje. Isso não muda nada. O que resta? a resiliência.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s