Ganhei R$ 150 de crédito na VIVO depois de reclamar na Anatel

Imagem

Parece mentira, mas hoje pela manhã me ligaram da VIVO para justificar as falhas no sinal da operadora e, depois da minha argumentação, ganhei R$ 150 de crédito. Como? Bem, tudo começou com duas reclamações formais: uma na ouvidoria da VIVO e outra no site da Anatel.

Há alguns meses o sinal da VIVO está uma porcaria aqui no Rio de Janeiro. O sinal 3G some diversas vezes por dia, como já relatei aqui neste blog, e, de uns dias para cá, tenho ficado sem qualquer sinal. O detalhe é que, na maioria das vezes, meu celular está em cima da mesa do meu trabalho. Ou seja, apesar de estar na mesma posição boa parte do dia, o sinal oscila e some, me deixando sem qualquer possibilidade de efetuar ou receber ligações. (como podem observar na foto).

Como pago muito caro pelo serviço e o considero de extrema importância, achei por bem reclamar. Primeiro a VIVO me mandou um email com uma justificativa ridícula, como também relatei aqui, e hoje decidiram me ligar. O funcionário foi muito simpático e tentou me convencer de diversas formas de que as falhas eram pontuais e que a empresa estava encontrando algumas dificuldades no Rio, inclusive com a legislação de alguns municípios. Bem, disse a ele que estes não eram problemas meus e que eu pagava caro e esperava receber pelo serviço pago. Disse: “Se vocês não conseguem entregar pelo serviço que cobram, me cobrem pelo serviço que entregam”. E daí ele me deu R$ 150 de crédito. Se estou satisfeita com isso? Em parte. Além de fazer questão deste dinheiro, quero que resolvam o problema. Caso contrário, no próximo mês, abrirei nova reclamação na Anatel. E, sinceramente, acho que todos que passam por este problema deveriam fazer o mesmo.

Foi o que eu disse para o funcionário da VIVO: “Vocês cresceram a base de clientes e não conseguem atender a todos de forma satisfatória. Sou cliente antiga e o serviço piorou muito. Acho que a Anatel deveria suspender, proibir mesmo, que vocês aumentassem a quantidade de clientes”. Ele não soube me responder, óbvio, e, depois de muito tentar se justificar, colocou a culpa na violência do Rio.

Isso mesmo, ele disse que atos de vandalismo destruíram algumas antenas da operadora e, como as peças são importadas e caras, algumas antenas estavam com problema. Ora bolas, mais uma vez eu disse que este não era um problema meu e que eu gostaria que todas as falhas fossem resolvidas. Ao fim da ligação, pedi para que ele abrisse uma ocorrência, passei o endereço do meu trabalho e pedi para que eles verificassem a falha aqui nesta região. Agora, meus caros, é rezar e reclamar novamente, se assim for preciso.

Aproveitei também para registrar minha insatisfação com meu pacote de dados. Mas isso é problema para outro post. Amigos, precisamos fazer valer nossos. direitos.

Romance em Paraty

paraty

Quem conhece sabe que Paraty é uma cidade linda, histórica, repleta de bons passeios e, por tudo isso, claro, a cidade é também muito romântica. Quem não conhece, precisa agendar para ontem uma viagem para lá. Passei o finde com meu gatinho em Paraty e amamos. A primeira escolha certa foi a pousada. Nossa, um sonho. Ficamos hospedados na Pardieiro, pousada oficial da Flip e um verdadeiro recanto na cidade.

OK, não tem TV nos quartos, mas e daí. Well e eu achamo muito interessante essa proposta e, pela falta de TV, passamos muito mais tempo conectados, conversando, nos curtindo. Muito bacana. Claro que existem TVs para quem é viciado no aparelhinho. Para ver seu programa favorito, precisa ir até uma das duas salas de estar da pousada, o que é uma experiência bem bacana.

Mas, como ía dizendo, se hospedar na Pardieiro é se sentir no paraíso, como bem disse Mario Vargas Llosa, Prêmio Nobel de Literatura de 2010: “Muchas gracias por la magnífica hospitalidad en esta sucursal del Paraiso.”

paraty 1 pousada

E a cidade… bem, a cidade é fantástica. Sábado fizemos um passeio por cachoeiras, uma fazenda e um alambique. Foi revigorante. Amo praia, mas confesso que tenho uma queda maior (com perdão para o trocadilho) por cachoeiras. Acho muito mais reconfortante e animador tomar banho de rio. E foi um passeio espetacular. Sem falar que compramos um licor de banana divino.

Depois do passeio, claro, percorremos o Centro Histórico e compramos uns doces deliciosos, além de pequenos mimos para a família. Fomos à missa, isso mesmo você leu certo rs, e jantamos em um restaurante divino: Porto. Além da comida  deliciosa, ainda jantamos à luz de velas e ao som de piano. O que mais eu poderia querer de um sábado à noite? Nada né, foi um dia perfeito.

murycana

Domingo optamos por um passeio de barco. Conseguimos até dar um primeiro mergulho, mas daí começou a chover.. e a chover forte. Nem preciso dizer que fiquei com medo de voltar para o Rio naquela chuva e passei mais uma noite no paraíso né. E a escolha foi mesmo acertada. Por causa da chuva, conhecemos um casal inglês, Catherine e Peter, que são sensacionais. Eles amam o Brasil e conhecem muito mais cidades que Wellington e eu juntos rs. Só em Paraty eles já estiveram três vezes. Uns fofos. Passamos a noite de domingo colocando o inglês em dia. Foi ótimo.

Super recomendo a cidade, o passeio e a pousada. Valeu a pena cada centavo investido. Voltamos revigorados e eu voltei ainda mais apaixonada do que quando fui. Já estou louca para repetir a dose.

 

Emílio Santiago – RIP

O grande cantor Emílio Santiago morreu, como boa parte de vcs, meus amigos leitores, já devem estar sabendo. O que vcs não sabem é que a primeira coisa que pensei ao saber da notícia foi: “Minha avó deve estar feliz, agora ele vai poder cantar para ela”.

Sim, minha amada avó Yolanda era fã fervorosa de Emílio e tinha todos aqueles cds de Aquarela do Brasil 1, 2,3,4, …..Confesso que não sei muitas músicas dele, ouvia apenas com a minha avó, mas reconheço que ele tinha uma voz sensacional e, por depoimento de amigos, sei que ele era uma pessoa incrível. Que descanse em paz e cante muito para a minha amada avó. O céu está em festa.