Não consigo entender a matança que o tal Estado Islâmico vem promovendo. Dá nojo ler as matérias. Sinto uma repulsa imensa ao saber que eles jogam homossexuais do alto de edifícios, que promovem matanças com crianças, jornalistas e todo o tipo de gente inocentes. Nenhum Deus quer isso.

É muita brutalidade, uma falta de humanidade absurda. Não dá para acreditar que somos mesmo todos seres humanos. Somos da mesma espécie? Sei lá, tenho algumas dúvidas. Esse povo não tem coração e também não tem cérebro, não pensa, na raciocina. Essa fé cega é assustadora. Essa luta sem fim por território e poder é muito arcaica.

Não entendo também quem não se comova com o sofrimentos dos moradores das cidades que já foram tomados pelo exército do EI. Sofro a cada notícia que, confesso, já pulei muitas vezes as páginas de notícias internacionais para não me contaminar com tanto sofrimento e dor.

Espero que, um dia, meus filhos e netos possam viver em um mundo pacificado, onde a luta por dinheiro, poder e território não tire tantas vidas e provoque tamanha dor.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s